Lição

Gerson tinha 47 anos. Era um dos diretores de uma das maiores empresas do setor automotivo mundial. Era um ótimo profissional. Ganhava uma fortuna por seu trabalho todo o mês. Tinha uma casa enorme em um condomínio fechado localizada em um dos bairros mais ricos da cidade de São Paulo. A casa tinha piscina, churrasqueira, vaga para oito carros e salão de jogos. Trocava de carro todo ano, e seus carros nunca custavam menos de cem mil reais. Teve todo o luxo que almejou em sua vida.

Gerson se casou aos 26 anos e teve teve dois filhos com sua esposa, o mais velho hoje com 17 anos e caçula que completa 9 anos na semana que vem. Sua esposa também trabalha e ganha bem em uma indústria de alimentos.

Hoje, dia 19 de dezembro de 2012 seu filho mais novo ao chegar da escola, por volta das três horas da tarde, notou o carro importado do pai estacionado na garagem. Estranhou. Ao entrar na casa, chamou por ele e não obteve resposta. Percebeu a porta do salão de jogos entreaberta e encontrou seu pai vestindo seus trajes de trabalho enforcado, pendurado no em um dos ganchos que dão suporte às caras cortinas da sala.

Aos pés do cadáver de seu pai havia um bilhete manuscrito e o filho trêmulo leu as últimas palavras do pai:

Podem achar que sou o homem mais feliz do mundo, que tenho tudo que sempre quis, que conquistei todos os meus sonhos. Mas a realidade não é essa. Para mim nada disso tem valor. Nunca teve. Fiz tudo isso pelos outros. Hoje aos 47 anos vejo que vivi uma vida de outra pessoa, uma vida que não pertencia a mim. As conquistas e os seus valores são atribuídos por nós mesmos. E eu fingi durante toda a minha existência, até agora, que tudo aquilo me satisfazia.

Me matei muito cedo.

Matei a minha alma durante o caminho que trilhei. E hoje dando continuidade a minha auto supressão. Acabo com o que restou de mim. E deixo aos meus filhos a lição mais importante que lhes poderia dar:

Não importa o que acontecer, sejam vocês mesmos.

Gerson A.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s